Mariana Paiva1

Mariana Monte Alegre de Paiva

Mariana Monte Alegre Paiva: Sócia de Pinheiro Neto Advogados, atua na área tributária e previdenciária com ênfase em consultivo e contencioso administrativo e judicial, pincipalmente em questões relacionadas à previdência complementar aberta e fechada. Formada em Direito pela FGV DIREITO SP em 2009. Pós-graduada em Economia pela FGV-EESP em 2013. Mestre em Direito Tributário pela FGV DIREITO SP em 2018. Indicada no Análise 500 de 2017 como advogada tributarista no setor de máquinas e equipamentos. Shortlisted na categoria “Rising Star in Tax” na Women in Business Law Americas Awards 2020. Premiada pela Análise Advocacia 2021 – Edição Mulheres Mais Admiradas como advogada previdenciária. Indicada como “Best Employee Benefits Lawyer” no The Best Lawyers in Brazil – 2022.

artigos colunistasLeia todos os artigos

Mariana Monte Alegre de Paiva

Mariana Paiva1Mariana Monte Alegre Paiva: Sócia de Pinheiro Neto Advogados, atua na área tributária e previdenciária com ênfase em consultivo e contencioso administrativo e judicial, pincipalmente em questões relacionadas à previdência complementar aberta e fechada. Formada em Direito pela FGV DIREITO SP em 2009. Pós-graduada em Economia pela FGV-EESP em 2013. Mestre em Direito Tributário pela FGV DIREITO SP em 2018. Indicada no Análise 500 de 2017 como advogada tributarista no setor de máquinas e equipamentos. Shortlisted na categoria “Rising Star in Tax” na Women in Business Law Americas Awards 2020. Premiada pela Análise Advocacia 2021 – Edição Mulheres Mais Admiradas como advogada previdenciária. Indicada como “Best Employee Benefits Lawyer” no The Best Lawyers in Brazil – 2022.
Filtro por Palavra-chave      Exibir #  
# Título do Artigo
1 Os impactos do Projeto de Lei Complementar da Reforma Tributária do Consumo sobre o setor de Previdência Privada
2 A Transformação da Previdência Complementar no Brasil: Adesão Automática em Foco
3 As novas regras de tributação dos planos de previdência complementar: antigas distorções são corrigidas enquanto novas preocupações surgem
4 O que as EFPC podem esperar em 2024?
5 Como fica a tributação sobre receitas auferidas por entidades fechadas de previdência complementar após a aprovação da Reforma Tributária?
6 A preocupação do órgão regulador com a resolução de conflitos no setor de Previdência Complementar
7 Como a tributação de planos de previdência complementar ao redor do mundo pode inspirar o Brasil?
8 Possíveis impactos da Reforma Tributária no segmento de Previdência Complementar
9 Como fica o PIS/COFINS sobre receitas auferidas por entidades fechadas de previdência complementar diante do recente julgamento do STF?
10 Vantagens da adesão automática a plano de previdência complementar
11 Problemas com o Fisco no oferecimento de previdência privada aberta pelas empresas
12 A dedução de contribuições extraordinárias do IRPF e o posicionamento do Fisco