Banner
Buscar:

Reforma da Previdência: proposta apoiada por Abrapp repercute na imprensa

Imprimir PDF
Voltar

Apoiada por Abrapp, a proposta de reforma da Previdência encaminhada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) para a equipe do presidente Jair Bolsonaro inicia o ano com forte repercussão na mídia. A divulgação dessa proposta pelos principais veículos de imprensa tem crucial importância: ocorre no momento em que o novo governo formata o projeto que pretende enviar ao Congresso em fevereiro.

O documento foi elaborado a partir dos trabalhos do Fórum de Incentivo à Poupança de Longo Prazo, e contou, além da Abrapp, com o apoio da FenaPrevi, da CNSeg e do ICSS. Conforme já noticiado pelo Acontece, a iniciativa contém duas proposições: uma nova Previdência que valerá para as pessoas que nasceram a partir de 2005 e que irão entrar no mercado de trabalho (tendo a capitalização como um de seus quatros pilares); e uma reforma paramétrica para os atuais trabalhadores da ativa.

“O grande mote dessa proposta que a Abrapp apoia, encaminhada pela Fipe, é que há a quebra do pacto entre gerações [para pagamento das aposentadorias]. À luz de fatores como o aumento da longevidade, a baixa taxa de natalidade e o novo perfil do mercado de trabalho, sabemos que essa conta não fecha”, destaca o Diretor-Presidente da Associação, Luís Ricardo Martins. Ele observa que a capitalização contribuirá para que o Brasil tenha um pleno desenvolvimento da poupança de longo prazo - fundamental para a solução dos problemas macroeconômicos -, incentivando que cada pessoa faça a sua reserva previdenciária de forma individual.

Repercussão midiática - Em sua edição de ontem, o jornal Valor Econômico publicou o artigo “Reforma da Previdência, uma proposta diferente”. No texto, o Coordenador do Fórum, Hélio Zylberstajn, professor da USP e pesquisador da Fipe, defende uma reforma ampla, com a substituição progressiva da previdência atual pelo novo modelo sugerido, detalhado aos leitores.

As ideias da proposta também foram repercutidas na matéria “Saiba quais são os principais pontos da nova PEC da Previdência”, publicada pelo Correio Braziliense, também ontem, e que trata do regime de capitalização que está sendo estudado pelo novo governo para a reforma.

Na quarta-feira, a Folha de S. Paulo divulgou a notícia “Transição para capitalização na Previdência é desafio de gestão Bolsonaro”, na qual Zylberstajn analisa os custos da transição e traz mais explicações sobre a proposta. O assunto também foi destaque nos veículos UOL, Estado de S. Paulo, Jornal do Commercio e Diário de Pernambuco, entre outros. A repercussão da proposta continuará sendo trabalhada junto à imprensa nas próximas semanas.

Confira abaixo uma amostra das notícias já divulgadas:

Reforma da Previdência, uma proposta diferente (Valor Econômico):
https://www.valor.com.br/opiniao/6058285/reforma-da-previdencia-uma-proposta-diferente

Saiba quais são os principais pontos da nova PEC da Previdência (Correio Braziliense):
https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/politica/2019/01/10/interna_politica,729974/saiba-quais-sao-os-principais-pontos-da-nova-pec-da-previdencia.shtml

Capitalização exige planejamento pessoal; entenda a proposta (Jornal do Commercio):
https://jconline.ne10.uol.com.br/canal/economia/nacional/noticia/2019/01/10/capitalizacao-exige-planejamento-pessoal-entenda-a-proposta-368192.php

Transição para capitalização na Previdência é desafio de gestão Bolsonaro (Folha de S. Paulo):
https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2019/01/transicao-para-para-capitalizacao-na-previdencia-e-desafio-de-gestao-bolsonaro.shtml

Uma nova previdência para novos trabalhadores (Correio Braziliense):
http://blogs.correiobraziliense.com.br/servidor/uma-nova-previdencia-para-novos-trabalhadores/

Fonte: Acontece Abrapp, em 11.01.2019.