Banner
Buscar:

Comitê de Gestão de Pessoas divulgará conteúdos sobre modelos de trabalho flexíveis

Imprimir PDF
Voltar

Por Débora Soares

SimoneCastelaoNo esteio das mudanças provocadas pela pandemia de covid-19, várias entidades se deparam com a escolha entre uma vastidão de opções de modelos de trabalho flexíveis. O Comitê de Gestão de Pessoas da Abrapp pôs em marcha uma série de iniciativas para auxiliar as associadas em relação ao tema.

“Dentro de sua missão, o Comitê de Gestão de Pessoas tem acompanhado as rápidas transformações no mundo do trabalho para compartilhar experiências e gerar conteúdos que ajudem a orientar os gestores das entidades fechadas de previdência complementar em relação às melhores práticas”, destaca Cláudia Trindade, Diretora da Abrapp responsável pelo acompanhamento do Comitê.

Simone Castelão, Coordenadora do Comitê, ressalta que o objetivo do colegiado é trocar informações sobre as práticas adotadas pelas entidades. Ela observa que o estímulo gerado pela flexibilidade acaba resultando em um conceito amplo de modalidade de trabalho que as empresas podem implantar, dentre eles: trabalho remoto, home office, anywhere office, entre outros.

Nesse sentido, os membros do colegiado estão preparando conteúdos sobre essas experiências que serão divulgados para todo o quadro associativo. “Essas publicações, somadas com a divulgação do resultado da pesquisa que foi realizada junto às fundações no mês de junho, vão fornecer informações que auxiliem as empresas no desenho das estratégias e tomada de decisão”, antecipa a Coordenadora.

Modelo híbrido é bem-sucedido – Simone acrescenta que o modelo híbrido tem sido percebido pelo grupo como a melhor opção. Ela nota que o trabalho remoto trouxe oportunidade única de conciliar os interesses das empresas e dos profissionais, mas sem perder os ganhos das trocas presenciais que não serão substituídos pela tecnologia.

“Nas conversas realizadas nas reuniões do Comitê, ficou claro o entendimento de que cada Entidade precisa respeitar a sua cultura organizacional, os indicadores de performance aplicados, a forma de avaliação do bem-estar das equipes de trabalho e as ações adotadas para a retenção dos profissionais, no momento da definição do modelo de trabalho”, ressalta a Coordenadora do colegiado.

Projetos para o ano – Com relação aos demais projetos para 2022, Simone destaca que o Comitê de Gestão de Pessoas está trabalhando na segunda edição do Selo de Engajamento e na Pesquisa Salarial realizada pela Consultoria Carreira Muller, que este ano também tem parceria com a Unidas. Há, ainda, os preparativos para o 2º Encontro dos Profissionais de Gestão de Pessoas.

Os membros fazem reuniões bimestrais, além de reuniões extraordinárias para alinhamento e acompanhamento dos vários projetos e das suas etapas em andamento.

O Comitê é formado pelos seguintes representantes: Altenide Moreira dos Santos (PREVINORTE); Ana Paula Braga Mata (PETROS); Arleto Faleiro Viegas Greco (PREVIDÊNCIA USIMINAS); Aurea Cristina Cal de Carvalho Rios (PREVNORDESTE); Carolina Mayumi Utumi (VEXTY); Cibele Deis (ABRAPP); Clara Vanêza Marques Pereira (LIBERTAS); Claudia Cristina Cardoso de Lima (FUNDAÇÃO COPEL); Claudia Trindade (FUSAN); Claudio Lopes de Souza (REAL GRANDEZA); Elidiane de Farias Gomes (VIVA PREVIDÊNCIA); Elizabeth Santos Moitinho (SERPROS); Fernanda Goulart Guedes (INFRAPREV); Hozana Galvão Jannuzzi (VIVEST); Jaqueline de Medeiros Eduardo (PREVI); Laurita dos Santos Vale (VISÃO PREV); Luciana de Oliveira Nogueira (BRASLIGHT); Luis Felipe de Almeida Gomes (FUNCEF); Mario de Almeida Borges Junior (FACHESF); Patricia Mendonça de Nóvoa (CAPESESP); Regis Rodrigues da Silveira (FUNDAÇÃO FAMÍLIA PREVIDÊNCIA); Roseli Oliva (OABPREV-SP); Rozely Mello da Silva (FUNDAÇÃO BANRISUL); Simone Ribeiro Castelão (ELETROS); e Valdinei Donizete Silva (ECONOMUS).

Fonte: Abrapp em Foco, em 05.08.2022.